Benefícios

Vantagens de oferecer um benefício para auxílio mobilidade

Para atender as diferentes necessidades dos funcionários, empresas estão adotando o auxílio mobilidade. Entenda o que é.

Considerando o contexto empresarial, quando o assunto é auxílio mobilidade, o que você pensa? Muito provavelmente o que vem à sua mente, é o vale-transporte. Isso porque é o benefício corporativo exigido por lei e, portanto, oferecido por todas as empresas. Entretanto, essa não é a única opção para oferecer aos seus funcionários.

Se você observar, hoje, as pessoas estão dando preferência a formas de locomoção além do transporte público. Pode ser uma bicicleta ou carona compartilhada, por exemplo.

A verdade é que os custos com deslocamento dos funcionários é um gasto que vai ter que existir em qualquer empresa. Afinal, é um benefício corporativo exigido por lei. Por isso, não tem como fugir.

Entretanto, se adaptar às necessidades dos seus funcionários, é uma boa estratégia para estimular a retenção de talentos.

Então, separamos aqui as principais informações sobre o auxílio mobilidade. Confira até o final e veja como revolucionar a oferta do benefício de mobilidade da sua empresa.

Benefício de mobilidade para o funcionário

Se a sua empresa adota o regime presencial, todo funcionário precisa de um transporte para ir e vir do trabalho. Assim, como forma de permitir que o profissional tenha condições de fazer esses deslocamentos, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) institui o vale-transporte como benefício obrigatório a qualquer empresa.

Entretanto, nem todo funcionário utiliza o transporte público para ir e voltar da empresa. Por isso, é cada vez mais comum que os empregadores ofereçam benefícios flexíveis. Ou seja, um auxílio mobilidade para que o trabalhador use em aplicativos de corridas, para abastecer seu veículo ou mesmo para o ônibus, metrô e trem.

Entretanto, vale ressaltar, porém, que a empresa não tem obrigação legal de fazer essa troca. O exigido por lei é a oferta do vale-transporte no valor necessário para cobrir as despesas com deslocamento. E esse vale está relacionado ao uso dos transportes públicos da região.

O que tem ocorrido, com cada vez mais frequência, é as empresas adotarem a flexibilidade como decisão estratégica que ajuda na atração quanto à retenção de talentos.

Então, veja a seguir três diferentes categorias de auxílio mobilidade que você pode oferecer aos seus funcionários:

Vale transporte

O benefício de mobilidade mais conhecido e mais antigo. Ele nada mais é que o valor que o empregador oferece ao funcionário para cobrir as despesas de deslocamento da residência para o trabalho e vice-versa. É restrito ao uso em transportes públicos.

Vale combustível

Uma alternativa em substituição ao vale-transporte. A ajuda de custo oferece ao funcionário a opção de usar o valor destinado ao seu transporte como preferir. Pode ser para abastecer seu veículo próprio ou mesmo para pagar táxi ou app de transporte.

Controle de frota

Se sua empresa disponibiliza carro corporativo, essa é uma opção para fazer a gestão de despesas da sua frota de veículos. Esse benefício permite controlar, em tempo real, todas as operações de abastecimento da frota, reduzindo demandas e otimizando a gestão.

Conheça o auxílio mobilidade

Então, pensando em atender as diferentes necessidades de seus colaboradores, muitas empresas estão adotando o auxílio mobilidade ou vale mobilidade. 

Esse benefício é um cartão que permite que o funcionário escolha a forma que prefere se movimentar. Seja por meio do transporte público, com veículo próprio, aluguel de carro, bicicleta, etc. Ou seja, esse vale unifica todas as opções de mobilidade em um único cartão e aplicativo.

Auxílio mobilidade: como funciona

Aqui, o pensamento é bem simples e todo o processo tende a acontecer sem muita burocracia. Afinal, o objetivo é realmente simplificar o cotidiano de cada trabalhador com relação ao seu transporte.

De forma resumida, o valor que seria destinado ao vale-transporte, é adicionado a um cartão, o vale-mobilidade. Com esse cartão, o trabalhador pode usar a quantia destinada a sua locomoção da forma que desejar.

Isso inclui, por exemplo:

  • Transporte público
  • Aplicativo de mobilidade
  • Postos de gasolina
  • Estacionamento
  • Aluguel de carros, bicicletas e outros tipos de meio de locomoção alternativos
  • Passagem aérea
  • Pedágios e outras tarifas 
  • Entre outros.

Dessa forma, o auxílio mobilidade oferece muito mais liberdade. Afinal, o trabalhador pode utilizar a quantia destinada ao seu transporte de acordo com as suas necessidades.

Vantagens do auxílio mobilidade

O auxílio mobilidade traz diversas vantagens tanto para os trabalhadores como para as empresas. Veja:

  • Mais liberdade para ir e voltar do trabalho;
  • Mais comodidade e praticidade na hora de usar seus benefícios;
  • A empresa pode observar uma menor taxa de absenteísmo e atraso;
  • Mais facilidade ao RH, pois reúne todos os prestadores de serviços de mobilidade em um único benefício;
  • Mais qualidade na locomoção ao trabalho;
  • Maior produtividade e satisfação do colaborador.

Auxílio mobilidade: o que diz a lei

Uma dúvida muito comum é se o auxílio-mobilidade está dentro dos requisitos legais e acordos coletivos.

A resposta é sim!

A legislação explica que o auxílio mobilidade se enquadra no conceito de “ajuda de custo” prevista no § 2º do art. 457, da CLT. Dessa forma não se incorpora ao contrato de trabalho e não constitui base de incidência de qualquer encargo trabalhista e previdenciário. 

Entretanto, é importante ficar atento a alguns requisitos.

Como já dissemos, por lei, toda empresa precisa conceder o benefício do vale-transporte aos sem funcionários. E que o valor desse benefício seja destinado exclusivamente ao transporte público.

Para que o vale-transporte seja trocado pelo vale mobilidade, as duas partes, empregador e empregado precisam firmar um acordo. O documento deve declarar que o cliente está ciente e de acordo em não receber o benefício de vale-transporte.

Dessa forma, a empresa se exime da responsabilidade de pagar o valor exclusivo para o transporte público. Consequentemente, pode optar por conceder o benefício mais flexível ao funcionário. Essa formalização resguarda legalmente a empresa.

Flexibilize o vale-transporte para sua equipe

Agora você já entendeu que é possível flexibilizar o vale-transporte e oferecer auxílio mobilidade para os funcionários. Então, já pode pensar em dar o próximo passo!

O mercado de trabalho está cada vez mais acirrado. Consequentemente, é cada vez mais difícil atrair e reter talentos na sua empresa. Por isso, é muito importante adotar a oferta de benefícios atraentes, além de um salário competitivo.

Para ter mais assertividade na escolha dos benefícios, é fundamental contar com uma empresa parceira, como a Vallora. Aqui, disponibilizamos as maiores operadoras de benefícios em mobilidade do país em um único canal. E oferecemos soluções personalizadas para o perfil da sua empresa.Leve mais este grande benefício aos seus colaboradores. Faça uma cotação e tenha excelentes propostas comerciais personalizadas para o perfil da sua empresa. Entre em contato com a nossa equipe de especialistas e tire todas as suas dúvidas.

Related Posts

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.